No Cume

Falcão / Platus Cunha

Ai!

No alto daquele cume
Plantei uma roseira
O vento no cume bate
A rosa no cume cheira

Quando vem a chuva fina
Salpicos no cume caem
Formigas no cume entram
Abelhas do cume saem

Quando cai a chuva grossa
A água do cume desce
O barro do cume escorre
O mato no cume cresce

Então, quando cessa a chuva
No cume volta a alegria
Pois torna a brilhar de novo
O Sol que no cume ardia

No alto daquele cume
Plantei uma roseira
O vento no cume bate
A rosa no cume cheira

Quando vem a chuva fina
Salpicos no cume caem
Formigas no cume entram
Abelhas do cume saem

Quando cai a chuva grossa
A água do cume desce
O barro do cume escorre
O mato no cume cresce

Então, quando cessa a chuva
No cume volta a alegria
Pois torna a brilhar de novo
O Sol que no cume ardia

Pois torna a brilhar de novo
O Sol que no cume ardia
Pois torna a brilhar de novo
O Sol que no cume ardia

Curiosità sulla canzone No Cume di Falcão

Quando è stata rilasciata la canzone “No Cume” di Falcão?
La canzone No Cume è stata rilasciata nel 2000, nell’album “Do Penico a Bomba Atômica”.
Chi ha composto la canzone “No Cume” di di Falcão?
La canzone “No Cume” di di Falcão è stata composta da Falcão e Platus Cunha.

Canzoni più popolari di Falcão

Altri artisti di Brega